As Referências a David Bowie em “Lemon Scented You”

American Gods é uma série extremamente visual. Isso já era esperado, levando em consideração que temos Bryan Fuller e Michael Green no comando, as mesmas mentes por trás da inigualável Hannibal (2013 – 2015). Toda essa extravagância visual característica das obras destes produtores serve como uma luva para adaptar o universo mágico criado por Neil Gaiman em American Gods, e quando falamos dos novos Deuses, especialmente da maravilhosa Media (Gillian Anderson), não poderíamos estar mais satisfeitos.

No episódio desta semana, “Lemon Scented You”, a Deusa da Televisão apareceu caracterizada de Marilyn Monroe e David Bowie, este último rendendo um roteiro recheado de referências a músicas do “Camaleão do rock”. David Bowie tinha uma imagem marcante, navegou por diversas fases musicais (passando brilhantemente pelo rock, soul e música eletrônica), era adorado pela mídia (risos) e serviu como influência para incontáveis artistas de sucesso. Bryan Fuller, inclusive, chegou a oferecer um papel para Bowie na segunda temporada de Hannibal, contudo, os planos de vê-lo interpretando o tio de Hannibal Lecter acabaram não se concretizando. Dito isso, não é exagero enxergar o diálogo entre a Deusa Media e o Technical Boy como uma homenagem ao já falecido astro.

Vejam só as músicas do David Bowie que foram citadas durante a cena:

 

“Oh! You Pretty Things” (álbum “Hunky Dory”, de 1971)

Logo no início do diálogo Media usa um trecho de ‘Oh, You Pretty Things‘ para se referir ao Technical Boy.

Oh You Pretty Things
Don’t you know you’re driving your
Mamas and Papas insane
Oh You Pretty Things
Don’t you know you’re driving your
Mamas and Papas insane
Let me make it plain
You gotta make way for the Homo Superior”

 

“Rebel Rebel” (álbum “Diamond Dogs”, de 1974)

Na sequencia, usa ‘Rebel Rebel’ para dar continuidade ao sermão.

“You’ve torn your dress, your face is a mess
You can’t get enough, but enough ain’t the test
You’ve got your transmission and your live wire
You got your cue line and a handful of ludes
You wanna be there when they count up the dudes”

 

“Space Oddity” (álbum “David Bowie”, de 1969)

E termina a frase com ‘Space Oddity”.

“Ground Control to Major Tom
Your circuit’s dead, there’s something wrong
Can you hear me, Major Tom?
Can you hear me, Major Tom?
Can you hear me, Major Tom?”

 

“Life on Mars?” (álbum “Hunky Dory”, de 1971)

Além de Media estar vestida da mesma forma que Bowie no clipe da música, ela também a cita durante o diálogo:

Take a look at the lawman
Beating up the wrong guy
Oh man, wonder if he’ll ever know
He’s in the best selling show
Is there life on Mars?”

 

“Under Pressure” (Queen feat. David Bowie, álbum “Hot Space”, de 1982)

Uma das colaborações mais famosas da música, Media cita a música (justamente numa das partes em que Bowie canta) para se referir ao Mr. World.

It’s the terror of knowing
What this world is about
Watching some good friends
Screaming, ‘Let me out!’”

 

“Cat People (Putting Out Fire)” (álbum “Let’s Dance”, de 1983)

And I’ve been putting out the fire with gasoline
See these eyes so red
Red like jungle burning bright
Those who feel me near.”

 

“Starman” (álbum “The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars”, de 1972)

There’s a starman waiting in the sky
He’d like to come and meet us
But he thinks he’d blow our minds
There’s a starman waiting in the sky
He’s told us not to blow it
Cause he knows it’s all worthwhile.”

 

Para ouvir as músicas citadas, acessem a playlist que fizemos para vocês no Spotify:

 

Na cena, Media também mencionou um caso muito interessante que aconteceu em 1938 nos Estados Unidos.

Na noite do dia 30 de Outubro de 1938 a companhia “Mercury Theater”, de Orson Welles, fez um programa rádio-teatro, inspirado no livro de ficção científica “A Guerra dos Mundos”, de H.G Wells, em que a Terra é invadida por marcianos. De acordo com o programa, os extraterrestres haviam pousado em Chicago e St. Louis, aniquilado as forças de defesa, envenenado o ar com gás tóxico, entre outras barbaridades. Contudo, estima-se que milhares de pessoas pensaram que a invasão alienígena realmente estava acontecendo, fazendo com que o caos tomasse conta de parte do país. Assim que a notícia chegou aos estúdios, Welles entrou no ar e explicou que aquilo era apenas ficção. Até lá, o chamado “delírio gigantesco” trouxe pânico generalizado àqueles que ouviram o programa.
É muito interessante ver Media citando isso, mostrando novamente o quanto o roteiro da série esbanja qualidade: Bowie alcançou o estrelato cantando sobre um extraterrestre que chegou à Terra e virou uma estrela do rock, o filme “O Homem que Caiu na Terra”, estrelado por ele, também fala sobre um alienígena que vem à Terra em busca de água. Ao mesmo tempo, Gillian Anderson é mais conhecida pelo grande público devido ao seriado Arquivo X, onde interpreta a agente do FBI Dana Scully, que junto ao agente Fox Mulder (David Duchovny) investigam casos relacionados com… adivinhem? Alienígenas!

 

O que acharam da cena? Que outra celebridade gostariam de ver Media encarnando?

Compartilhe:
  • Bruno Mais

    Seria sensacional, se a Fox liberace Arquivo X, para ela aparecer como a Scully, mesmo 😍

  • Diego Miguel

    Ela vai voltar como Scully ano que vem
    Pra 11 °Temporada de Arquivo X vai ser foda!

  • Ka

    Vinte minutos de vários nada acontecendo. Quando eu tava pra desistir do episódio, aparece a Media de David Bowie parafraseando a músicas dele e superando todas as expectativas que eu tinha quanto a série. ♡

  • Anna Bazanni

    Adorei o post explicativo. Parabens!

  • Rodrigo Digão

    Nome da música q toca enquanto o diálogos se desenvolve , qual é?